Maio Amarelo
| Postado em 12 de maio de 2020 às 11:30

Celular ao volante lidera infrações em Cascavel

Por Redação Portal

Uso de celular ao volante lidera infrações no primeiro quadrimestre de 2020

Celular ao volante lidera infrações em Cascavel
Reprodução

Estamos em plena campanha digital do Maio Amarelo e, discutir os riscos de associar o uso do celular enquanto se dirige, é a meta desta semana do movimento que nasceu com foco de conscientizar para preservar a vida no trânsito. O aparelho que une, muitas vezes, pode afastar para sempre, causando acidentes fatais.

Em Cascavel, no primeiro quadrimestre de 2020, 1.849 condutores foram autuados usando o celular ao volante, colocando a infração na liderança no período de janeiro a abril. O ponto positivo é que este número ficou 17% menor do que em igual período do ano passado, quando 2.231 condutores foram multados por uso de celular no trânsito. Essa infração, em 2019, ocupou o segundo lugar no ranking das multas mais cometidas em Cascavel.

No primeiro quadrimestre de 2019, a “conversão proibida” esteve no topo das mais cometidas. Empatada, nos dois anos, está a falta do uso de cinto de segurança, terceira infração mais registrada nas vias do Município.

O que se nota é que neste ano, devido às restrições impostas pela pandemia da Covid-19, há um número menor de veículos circulando e, consequentemente, de multas de trânsito. Ainda assim, segundo o encarregado do setor de operações de trânsito da Cettrans/Transitar, Giovani Elias Rogitski, os abusos continuam.

“As pessoas estão preocupadas em evitar o contágio pelo vírus, contudo, insistem nos mesmos erros que matam no trânsito. O celular é uma arma perigosa de distração. Mesmo com ferramentas modernas para viva voz, a concentração é reduzida; ainda assim, muitos não se contentam com isso. É comum flagrar motoristas dirigindo e teclando mensagem de texto, o que é extremamente perigoso, pois o envio de mensagens é capaz de retardar o período de reação do condutor em até 35%, o que está acima da demora provocada pelo álcool, que é 12%”, explica Giovani.

Segundo ele, o tempo que leva para digitar dois algarismos no celular equivale a dois segundos. Isso significa que, num imprevisto, não haverá possibilidade de frear e evitar o risco. “Nada deve ser mais urgente e importante do que preservar a vida enquanto se está dirigindo”, enfatiza Giovani, reforçando a mensagem deste ano do Maio Amarelo: “Perceba o Risco. Proteja a Vida!”, cujas ações presenciais serão realizadas em setembro.

De acordo com o inciso VI do CTB (Código de Trânsito Brasileiro), dirigir o veículo “utilizando-se de fones nos ouvidos conectados a aparelhagem sonora ou de telefone celular” caracteriza infração média. Já o parágrafo único prevê como infração gravíssima no caso do condutor estar segurando ou manuseando o aparelho celular. O valor da multa é de R$ 293,47, além de somar sete pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação). O CTB permite a multa sem abordagem do motorista, apenas com anotação da placa do veículo.

Fonte
CGN


Tags


Deixe sua reação


Deixe seu comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar se

Notícias Relacionadas
Colunas
Colunas
Por Abimadabe Vieira

Maio Amarelo Paraíba

Colunas
Por Abimadabe Vieira

Live: Cuidando do Futuro

Colunas
Por Abimadabe Vieira

Live: Acidentes de trânsito

Mais Vídeos
Seja você a mudança que quer para o mundoSeja você a mudança que quer para o mundo
Vídeos

Seja você a mudança que quer para o mundo

Clubinho Honda – Segurança no TrânsitoClubinho Honda – Segurança no Trânsito
Vídeos

Clubinho Honda – Segurança no Trânsito

Em todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsitoEm todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsito
Vídeos

Em todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsito

O uso da bicicleta facilita o trânsitoO uso da bicicleta facilita o trânsito
Vídeos

O uso da bicicleta facilita o trânsito