Maio Amarelo 2020
| Postado em 08 de abril de 2020 às 10:32

‘Maio Amarelo’: Cascavel segue recomendações nacionais

Por Redação Portal

Cascavel segue recomendações nacionais e adia ações para o mês de setembro

‘Maio Amarelo’: Cascavel segue recomendações nacionais
Reprodução

A mudança em Cascavel segue a decisão da coordenação nacional do Movimento Maio Amarelo, que junto com a direção do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), decidiu pela transferência das ações presenciais de maio para setembro de 2020 com base nas orientações do Ministério da Saúde referentes à Covid-19.

A Cettrans/Transitar – que coordena a realização do movimento em Cascavel junto com o Cotrans/PVT (Comitê de Trânsito), o qual reúne os principais órgãos de segurança e trânsito do Município, aprovou a transferência de calendário e decidiu que fará um planejamento de novas estratégicas de educação e de sensibilização da sociedade durante este período de limitações de atividades de campo. Isso porque, mesmo com o forte apelo para que a sociedade intensifique o isolamento social, o volume de veículos nas ruas ainda é intenso devido à manutenção das atividades essenciais.

21,66% menos acidentes; 200% mais óbitos

O número de acidentes caiu 21,66% no primeiro trimestre deste ano (744) se comparado com o mesmo período do ano passado, quando foram registrados 988 nas vias urbanas de Cascavel. Nesse mesmo período comparado, foi também menor o número de vítimas atendidas com ferimentos: uma queda de 27,25%, baixando de 345 para  251.

Na contramão, porém, cresceu o número de óbitos no período. Nos três primeiros meses de 2019 foram registradas duas mortes no trânsito enquanto em igual período de 2020 o número subiu para seis, o que representa uma alta de 200%.

De acordo com a coordenadora do setor de Educação de Trânsito da Cettrans/Transitar, Luciane de Moura, o Movimento Maio Amarelo tem papel fundamental na conscientização dos cidadãos em todos os modais de trânsito, desde o pedestre, o ciclista, o motociclista e o condutor de veículos, por isso a importância da realização de atividades presenciais e intensivas diárias como palestras para crianças, jovens, adultos e idosos; abordagens em via pública; operações de trânsito como o Pé na Faixa; o uso de simulador de trânsito; abordagens lúdicas, tudo isso em prol de um trânsito mais humanizado.

“Vamos adiar por uns meses devido à pandemia, porque agora é impossível a atividade prática, além do fato que o foco está na divulgação do combate ao coronavírus. Contudo, consideramos fundamental manter o calendário de atividades. Enquanto isso, queremos traçar novas estratégias de continuar trabalhando o trânsito com a comunidade, de forma educativa, esclarecedora e eficiente, porque a prevenção de acidentes é um tema que também não pode cair no esquecimento”.

0 0 vote
Article Rating

Fonte
CGN


Tags


Deixe sua reação


Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas
Colunas
Colunas
Mais Vídeos
Seja você a mudança que quer para o mundoSeja você a mudança que quer para o mundo
Vídeos

Seja você a mudança que quer para o mundo

Clubinho Honda – Segurança no TrânsitoClubinho Honda – Segurança no Trânsito
Vídeos

Clubinho Honda – Segurança no Trânsito

Em todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsitoEm todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsito
Vídeos

Em todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsito

O uso da bicicleta facilita o trânsitoO uso da bicicleta facilita o trânsito
Vídeos

O uso da bicicleta facilita o trânsito