Acidentes de Trânsito
| Postado em 22 de junho de 2020 às 7:42

Mato Grosso registrou quase 7 mil mortes em 11 anos

Por Redação Portal

Nos últimos 11 anos, Mato Grosso registrou 6.688 mortes no trânsito

Mato Grosso registrou quase 7 mil mortes em 11 anos

Nos últimos 11 anos, Mato Grosso registrou 6.688 mortes no trânsito. O número corresponde a contabilização de óbitos comprovados por acidentes de trânsito em vias públicas, rurais, rodovias estaduais e federais nos 141 municípios do estado. Também no período, foram registradas mais de 70 mil vítimas de acidente com lesão corporal.

Os dados são da Superintendência do Observatório de Violência da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) e contabiliza as mortes dos anos de 2009 a 2019. Já o primeiro trimestre deste ano, 152 pessoas morreram no estado e 1.254 sofreram lesão corporal.

Frente à violência no trânsito, o governo Federal aprovou, em 19 de junho de 2008, a Lei Nº 11.705, que endureceu a repressão aos crimes que ferem o Código Brasileiro de Trânsito (CBT). Entre as medidas está o artigo 165, que caracteriza como infração gravíssima dirigir sob efeito de álcool.

Em 2009, segundo ano de vigência da Lei Seca, 707 pessoas morreram no trânsito. Já no ano seguinte, em 2010, foram 618 mortes. Em 2011 foram 623, seguidas de 2012 (622), 2013 (506), 2014 (616), 2015 (556), 2016 (710), 2017 (586), 2018 (641) e 2019 (503).

Desde 2015, a Sesp tem intensificado as ações integradas da Lei Seca. Nos últimos quatro anos foram 228 operações, que resultou em 909 flagrantes, 8.359 Autos de Infração de Trânsito (AIT’s) e 2.345 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) recolhidas. Além de Cuiabá e Várzea Grande, a ação foi realizada também nas 15 Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp’s).

Nos três primeiros meses de 2020 foram feitas seis operações integradas. A atividade foi suspensa, temporariamente, por conta das medidas adotadas em Mato Grosso para a prevenção da Covid-19. A operação Lei Seca é realizada de forma integrada e coordenada pelo Gabinete de Gestão Integrada (GGI-E) da Sesp.

Em Mato Grosso, no período de 2008 a 2019, mais de 25 mil motoristas foram autuados por dirigir sob a influência de álcool. Já em 2020, de janeiro a 14 de junho, foram 931 autuações.

O presidente do Detran, Gustavo Vasconcelos, destaca que a operação integrada Lei Seca, consolidada há 12 anos como uma política de segurança estadual, é uma das prioridades da atual gestão e foi intensificada em 2019 com foco na sensibilização e mudança de comportamento dos motoristas em relação à segurança no trânsito.

“O fator de risco álcool e direção ainda é muito presente no trânsito de Mato Grosso. As operações contribuem para a mudança de comportamento, especialmente do condutor, pelo seu caráter repressivo, preventivo e até mesmo educativo. Por isso, em 2019 aumentamos as nossas ações integradas de fiscalização e educação no trânsito com objetivo de reduzir os acidentes envolvendo bebida e direção”.

0 0 vote
Article Rating

Fonte
Só Noticias


Tags


Deixe sua reação


Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas
Colunas
Colunas
Mais Vídeos
Seja você a mudança que quer para o mundoSeja você a mudança que quer para o mundo
Vídeos

Seja você a mudança que quer para o mundo

Clubinho Honda – Segurança no TrânsitoClubinho Honda – Segurança no Trânsito
Vídeos

Clubinho Honda – Segurança no Trânsito

Em todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsitoEm todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsito
Vídeos

Em todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsito

O uso da bicicleta facilita o trânsitoO uso da bicicleta facilita o trânsito
Vídeos

O uso da bicicleta facilita o trânsito