Dicas
| Postado em 04 de junho de 2020 às 11:45

O que devo saber antes de vender meu carro?

Por Redação Portal

Em algum momento será necessário vender seu veículo, seja para adquirir um novo ou até mesmo por tempo de uso

O que devo saber antes de vender meu carro?

Em algum momento será necessário vender seu veículo, seja para adquirir um novo ou até mesmo por tempo de uso.

Para realizar uma venda sem ter surpresas é interessante sempre estar inteirado sobre determinados assuntos para facilitar sua negociação. Em seguida vamos comentar sobre o que você precisa analisar para não sair no prejuízo ou ter sustos no meio de sua venda.

Documentação e débitos do veículo.

Essa é a principal etapa para você não encontrar dificuldades na venda de seu carro, moto ou qualquer veículo que possua. A documentação é algo fundamental para que não ocorra imprevistos ou até uma desistência por parte de seu comprador.

Então vamos ver o que precisa estar em dia:

1 –  CRV (Certificado de Registro de Veículo)

Esse é o principal documento para se realizar a transferência do veículo, esse documento é emitido no primeiro emplacamento do veículo. Caso você não possua ele em mão, será necessário solicitar a segunda emissão do documento no DETRAN de seu Estado.

2 –  Licenciamento do Veículo (CRLV)

Uma confusão que ocorre com muito motoristas é o CRV que citamos acima com o CLRV.

O CRVL (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo) é uma taxa anual que permite a circulação do veículo em território nacional e possui seu vencimento conforme o final de placa. Se você está com ele atrasado ou também perdeu precisa regularizar o quanto antes. Sem ele em mãos além de não ser possível vender seu veículo, não pode circular com ele. E caso seja pego em alguma blitz poderá ser rebocado.

3 – Débitos do Veículo

Outro fator que muitos motoristas costumam enfrentar problemas na hora de passar seu carro para frente são débitos que o veículo possui em aberto. Se o veículo possuir IPVA, DPVAT e multas não serão possíveis realizar a transferência do veículo para o seu comprador. Além de ser um inconveniente pode resultar na desistência da compra do veículo.

Então a dica é, pague todos os débitos em aberto de seus veículos e procure verificar se existe algum que não seja de seu conhecimento para tomar a devida solução para vende seu veículo.

4 – Financiamento

O ideal é vender o veículo quando seu Gravame já estiver baixado e o carro totalmente em seu nome, para saber como fazer a baixa do gravame temos um artigo que explica todo o passo a passo deste processo.

Cuidado com a Transferência

Só transfira o carro para o nome do novo proprietário assim que estiver com o dinheiro na mão.  Se possível acompanhe ele ao cartório para realizar a transferência da documentação.

Ao menos tenha certeza que a comunicação de venda foi realizada, para assegurar que futuras infrações ou até mesmo acidentes envolvam seu nome.

Fonte
Consulta Auto


Tags


Deixe sua reação


Deixe seu comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar se

Notícias Relacionadas
Colunas
Colunas
Mais Vídeos
Seja você a mudança que quer para o mundoSeja você a mudança que quer para o mundo
Vídeos

Seja você a mudança que quer para o mundo

Clubinho Honda – Segurança no TrânsitoClubinho Honda – Segurança no Trânsito
Vídeos

Clubinho Honda – Segurança no Trânsito

Em todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsitoEm todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsito
Vídeos

Em todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsito

O uso da bicicleta facilita o trânsitoO uso da bicicleta facilita o trânsito
Vídeos

O uso da bicicleta facilita o trânsito