Ciclista
| Postado em 09 de dezembro de 2019 às 9:14

Projeto de Lei exige treinamento específico de motoristas de ônibus para preservar ciclistas

Por Redação Portal

Se a alteração for feita pelo Denatran, será aplicada no Brasil todo

Projeto de Lei exige treinamento específico de motoristas de ônibus para preservar ciclistas
Respeito ao ciclista e pedestre/Divulgação

No dia 19 de março, o empresário Artur Vinícius Sales, de 43 anos, morreu após ser atropelado por um ônibus próximo ao Parque Olímpico, na Avenida Embaixador Abelardo Bueno, na Barra/Rio de Janeiro . Na última terça-feira, o ciclista Bruno Queiroz de Lima Chaves, de 38 anos, também morreu após ser atropelado , em Botafogo , por um ônibus. Numa cidade em que casos de acidentes com vítimas fatais envolvendo ciclistas e coletivos não são raros, tramita na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) o projeto de lei 897/15, do ex-deputado Wanderson Nogueira (PDT). Aprovado em primeira discussão, o PL prevê que concessionárias de serviços de transporte público forneçam aos condutores um treinamento específico voltado para o relacionamento com ciclistas.

Pelo projeto, a capacitação dos motoristas será realizada na admissão, anualmente, quando infrações forem cometidas ou quando acontecerem acidentes com bicicletas. O estudo da legislação sobre o trânsito de bicicletas e a capacitação prática para a convivência com os ciclistas estarão inclusos no treinamento. Em caso de descumprimento das regras, o condutor não poderá realizar a atividade, e a empresa estará sujeita a multa . Caso o treinamento não ocorra, uma multa pecuniária deverá ser estabelecida pelo órgão competente.

— O PL foi apresentado em 2015 e aprovado na primeira discussão. Estamos aguardando a segunda. Ele serve para criar pressão para o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) mudar a sua resolução. O ideal seria que as empresas trabalhassem com uma visão social, sem precisar de uma lei, mas ainda é a legislação que motiva alterações na sociedade — afirma Nogueira.

Miguel Lasalvia , presidente da Comissão de Segurança no Ciclismo da Cidade do Rio de Janeiro (CSCRJ) , afirma que existem ações isoladas e que algumas empresas de ônibus já oferecem um treinamento específico sobre ciclistas e pedestres, com foco na preservação da vida.

O presidente da Comissão de Trânsito da OAB da Barra , Márcio Dias , explica que, em vez do PL, o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) deveria alterar a resolução a respeito dos cursos para carteira profissional de habilitação, que deveriam incluir aulas específicas sobre bicicletas:

— Se a alteração for feita pelo Denatran, será aplicada no Brasil todo. Não é competência da Alerj fazer isso. A proposta deve sair do Denatran para as Câmaras Temáticas , que vão fazer uma avaliação técnica e levar a ideia para a reunião do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) , que, caso a aprove, vai expedir uma alteração no normativo, já prevendo essa capacitação

Fonte
O Globo


Tags


Deixe sua reação


Deixe seu comentário

avatar
  Inscreva-se  
mais novo mais velho mais votado
Notificar se
Afonso César Braga Woyames
Visitante
Afonso César Braga Woyames

Acho ótima iniciativa…seria, ainda melhor, se o motorista fosse obrigado a, também, andar de bicicleta nesse nosso transito, por pelo menos 15 dias…

Notícias Relacionadas
Notícias

As multas de trânsito mais frequentes de 2019

O excesso de velocidade continua a ser a contra-ordenação mais penalizada em Portugal e na...

Projeto de Lei

PL pretende alterar o sistema de vinculação de instrutores de trânsito

Alterar o sistema de vinculação de instrutores de trânsito, esse é o tema do PL 5558/2019...

Rio Grande do Sul

Quase metade dos mortos no trânsito do RS estavam alcoolizados

Uma parceria entre o Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (Detran RS) ...