2020
| Postado em 25 de novembro de 2019 às 5:00

Startup vai abrir primeiro bairro planejado sem carros

Por Redação Portal

Além de moradia para mil pessoas, a comunidade contará com restaurantes, parques, um shopping, supermercado e academia.

Startup vai abrir primeiro bairro planejado sem carros
Reprodução

Tempe, no Arizona, vai ser palco da primeira tentativa de criar uma sociedade “pós-carro” nos Estados Unidos. Em 2020, a Culdesac irá inaugurar um bairro em que ser dono de um veículo é contra as regras. Além de moradia para mil pessoas, a comunidade contará com restaurantes, parques, um shopping, supermercado e academia.

A iniciativa vem da Culdesac, que afirma ser a “primeira incorporadora imobiliária pós-carro”. A empresa foi fundada por Ryan Johnson e Jeff Berens, dois nativos do Arizona. Segundo Johnson, a inspiração veio por crescer em Phoenix, uma cidade feita para carros no meio do deserto.

“O senso comum diz que é o jeito que tem que ser: quando uma cidade vira voltada para carros, ela se prende para sempre em sua densidade,” escreveu em post no Medium. “Phoenix foi planejada para carros, portanto todo mundo precisa ter carro, portanto Phoenix precisa ser planejada pensando em carros.”

Tempe fica a 16 km de Phoenix e foi escolhida para a nova iniciativa. Hoje, o condado de Maricopa, onde fica a cidade, é o que mais cresce no país em população nos últimos três anos. O projeto custará cerca de US$ 140 milhões e tem previsão para entrega em 2020.

Segundo argumenta Johnson, o que “estraga” cidades é como carros precisam de uma infraestrutura imensa para funcionarem. Com isso, cidades chegam a ter boa parte de seu espaço reservado para estacionamento e passagem de carros. Segundo pesquisa do Research Institute for Housing America (RIHA), cidades americanas como Seattle chegam a ter 40% de seu espaço dedicados para estacionamento de carros.

Por isso, ele afirma que, ao se livrar do carro, as possibilidades de planejamento do bairro são muito maiores. “Imagina que, em vez de cobrir o bairro com asfalto, mais de metade da área será coberta por paisagismo, parques públicos e áreas verdes, uma proporção nunca antes vista em desenvolvimento urbano,” escreveu.

A Culdesac planeja ter bicicletas e patinetes elétricos como principal método de transporte dentro da comunidade. Uma linha de VLT (veículo leve sobre trilhos) irá conectar o bairro com o centro da cidade de Tempe e ao campus da Universidade Estadual do Arizona (Arizona State).

O carro, no entanto, não será 100% esquecido: serviços de mobilidade urbana como Uber terão um ponto de embarque e desembarque no perímetro do bairro. Serviços de emergência e entrega também poderão circular na região e alguns estacionamentos serão criados para visitantes pararem o carro.

O que Johnson quer com a Culdesac é mudar como enxergamos a cidade em que vivemos. “Restaurantes e mercados ficarão a uma pequena caminhada, em vez de um shopping depois de quilômetros de estrada,” afirmou. “As portas das casas vão abrir para pátios verdes comunitários, e não fileiras de carros estacionados. Idas ao mercado para tomar sorvete vão significar colocar um chinelo para caminhar, e não tirar o carro da garagem.”

Fonte
Época Negócios


Tags


Deixe sua reação


Deixe seu comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Notícias Relacionadas
Capotagem

Homens roubam residência, tentam atropelar policial e capotam carro durante fuga

Dois homens foram presos em Pinheiros, na zona oeste de São Paulo, nesta terça-feira (10),...

Recall

Volkswagen Tiguan e CC têm recall por defeito no airbag

A Volkswagen anunciou nesta terça-feira (10) o recall de Tiguan e CC por possível defeito ...

Marcha

Velocidade baixa e marcha alta não é combinação ideal

Quando está dirigindo seu carro com uma marcha mais alta, quarta ou quinta, em velocidades...

Colunas
Colunas
Colunas
Colunas