Notícias
| Postado em 07 de novembro de 2019 às 9:48

Uber lança novas ferramentas de segurança para motoristas e usuários

Por Redação Portal

O anúncio das novas medidas, na última terça-feira (5), em São Paulo, reuniu a imprensa de vários países latino americanos.

Uber lança novas ferramentas de segurança para motoristas e usuários
Divulgação
O aplicativo de viagens Uber se prepara para lançar novas ferramentas para aumentar a segurança dos motoristas parceiros e dos usuários do sistema. O quesito segurança é hoje um dos maiores desafios da empresa, que iniciou sua plataforma em 2010 como alternativa de mobilidade. A empresa conta atualmente com 4 milhões de parceiros só na América Latina.

O anúncio das novas medidas, na última terça-feira (5), em São Paulo, reuniu a imprensa de vários países latino americanos. Entre as ferramentas de segurança, que serão lançadas nos próximos meses, estão desde a opção do motorista ou usuário gravar uma conversar ao longo do percurso, caso não se sinta confortável, e enviar para a Uber; ou acionar a Polícia diretamente do app para o 190, em caso de emergência ou situação de risco. Ao pressionar o botão, a Polícia será informada da localização atual e informações do veículo e do condutor.

Outra medida de segurança diz respeito à identidade verdadeira do condutor. Para evitar que outras pessoas usem o cadastro de determinado motorista, a Uber vai solicicitar no início de cada viagem e ao longo do dia, selfie do motorista em tempo real para confirmar se é a mesma pessoa. O trabalho de verificação da identidade e idôneidade do motorista inclui ainda a verificação junto ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) por meio de um contrato com o Serpro (empresa de TI do governo federal).

A Uber poderá confirmar as informações cadastrais dos motoristas e entregadores parceiros e de seus veículos em tempo real, a partir das informações da CNH e do documento do veículo. Outra forma de validar as informações repassadas pelo condutor será por meio de uma parceria junto à Serasa. “Não se trata de verificar a questão financeira, mas da confirmação dos dados”, revelou Marcello Azambuja, diretor do Tech Center da Uber, em São Paulo.

Não apenas o condutor terá sua identidade analisada, o usuário também. No caso da opção de pagamento por dinheiro, o usuário terá que enviar uma foto de algum documento, que passará por análise junto à base de dados do governo. O recurso começa a ser implementado no Chile e chegará ao Brasil em 2020. Para quem faz o pagamento em cartão de crédito isso não será necessário. Os usuários do aplicativo também vão receber um código (PIN) e a viagem só será iniciada se o PIN do veículo e do motorista estiverem corretos.
Durante as viagens, que são registradas por GPS, o usuário pode acompanhar sua rota e localização. A Uber também fará a checagem de rota para identificar se alguma coisa saiu fora do esperado. Paradas inesperadas, não previstas podem resultar no envio de uma mensagem para o motorista e usuário perguntando se eles precisam de algum suporte. A Uber conta com uma equipe especializada em segurança disponível 24 horas. “Podemos encontrar o veículo com muita facilidade. Nos últimos anos estamos aprimorando as ferramentas de segurança”, apontou o diretor global de produtos de segurança da empresa, Sachin Kansal.
0 0 vote
Article Rating

Fonte
Diário de Pernambuco


Tags


Deixe sua reação


Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas
Colunas
Colunas
Mais Vídeos
Seja você a mudança que quer para o mundoSeja você a mudança que quer para o mundo
Vídeos

Seja você a mudança que quer para o mundo

Clubinho Honda – Segurança no TrânsitoClubinho Honda – Segurança no Trânsito
Vídeos

Clubinho Honda – Segurança no Trânsito

Em todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsitoEm todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsito
Vídeos

Em todo o mundo pessoas arriscam a sua vida e dos seus no trânsito

O uso da bicicleta facilita o trânsitoO uso da bicicleta facilita o trânsito
Vídeos

O uso da bicicleta facilita o trânsito